Hotel: centro do bem-estar

Muito bom saber (e pensar) que os hotéis são verdadeiros centros de bem-estar. A busca por hospedagem, alimentação, saúde (spas), reuniões que visam sempre a evolução dos negócios e do aprimoramento da sociedade. Poder representar a arte do bem-receber, da cordialidade e simpatia.  Que outro “negócio” participa dessa filosofia? Parques de diversões, restaurantes de rua, cinemas, enfim tudo o que é ligado ao entretenimento de alguma forma.

Quando gerenciei meu primeiro hotel – lembro bem quando meu diretor Tomas Bravo me disse quando fui de vez para o empreendimento do Itaim: agora o hotel é seu. Trate-o como fosse seu. Assim que inauguramos, visionei que a unidade hoteleira poderia ser o centro da comunidade vizinha. Não do bairro todo, mas do quadrilátero próximo, que pudesse reunir 100 cidadãos. Abrir a casa para fazer reuniões que visassem o aprimoramento, um lugar onde pudessemos falar e discutir temas ligados ao nosso entorno. Reunir a terceira idade para fazer tricô para instituições assistenciais, reunir crianças e simplemente brincar com elas, organizar exposições, e tudo mais que pudesse ser feito em prol da sociedade e de sua cultura. Algumas idéias foram concretizadas outras não. Projetos são assim. Quando temos as idéias precisamos ter o dom organizacional de levá-las adiante. Mas, que os hotéis são representantes em potencial de suas comunidades, isso são! Boa semana para todos!

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: