Subindo à cabeça

Um dos fatores que mais atrapalham o desenvolvimento, seja de um negócio ou de um profissional, é a acomodação. Já escrevi sobre sapos-fervidos em relação às empresas. Hoje vou tentar escrever sobre os profissionais. É muito comum encontrar jovens executivos recém-formados ou com um par de anos de formação que iniciam um trabalho em uma determinada empresa. A atuação muitas vezes é exuberante. Expectativas dos empregadores são superadas e o reconhecimento surge antes do esperado. É aí que mora o perigo. Jovens executivos possuem grande habilidade em atuar com desenvoltura e força física. Possuem a arrogância necessária para não permitir que desagrados atrapalhem o caminho do sucesso. Quando começam algo vão até o fim.

O problema é quando começam a achar que são os únicos do mercado.

Começam a pensar que sabem tudo e que a empresa depende, agora, só deles para seguir o caminho. Não dialogam e preferem aceitar sugestões ou interferências externas. Pensam em abrir seu próprio negócio acreditando que a fórmula é fácil. Não vêem o passado, apenas o presente. É muito comum as pessoas pensarem que tudo é fácil e um caminho de rosas o tempo todo. Dou o exemplo de um cantor/cantora ou banda de música. Quando atingem o sucesso, todos pensam que foi da noite para o dia. Vide o exemplo dos Mamonas Assassinas, de Zezé de Camargo e Luciano. Quantos anos de estrada pelejaram para chegar às paradas de sucesso? É óbvio que não podemos generalizar, mas 99% dos cases da ascensão sou-the-best-fuck-the-rest não dão certo.

Jovens profissionais e empresários de meia-idade podem ser comparados aos adolescentes e seus pais. Os conselhos e advertências só servem para esnobar, encher o saco e etcetera. O timing quando amadurecemos é outro e a experiência continua sendo relevante. Continuo achando que deveríamos nascer velhos e morrermos nenês. Quando tivéssemos 30 e poucos anos com certeza tudo que fosse feito seria certo. Diálogo, comunicação, humildade e paciência. Isso sim deveria ser ensinado nas universidades! Vou nessa que hoje tem festa de casamento! Boa semana!

Advertisements

1 Comentário

  1. Eduardo Melo

    Peter,

    Mais uma vez Parabéns pelo blog!!!

    São realidades que temos próximas e servem para nos fazer aprender como lidar com estas situações, mas, há outras descritas que realmente eu torço para que nunca cheguem perto.

    Abraços,

    Eduardo

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: