A volta do seu amado hóspede!

Dizem que é uma utopia, que o mundo é assim desde a sua existência, mas acredito piamente que ainda conseguiremos de uma forma, ou de outra, superar as necessidades materiais para focá-las nas espirituais. Tenho absoluta certeza que o projeto da raça humana ainda dará certo. Dizem também que o tempo está esvaindo e o ciclo terminando. Na dúvida, melhor respeitar do que ignorar, pelo menos poderemos fazer alguma mudança favorável.

Digo fazer para aqueles que realmente conseguem enxergar ou sentir que dentro de seus corações existe a verdadeira chama do amor e do respeito. Respeito por si em primeiro lugar para depois conseguir olhar aos terceiros. Tudo o que fazemos com esses dois sentimentos fazemos bem e aí os resultados são alcançados.

“Esse não gosta do que faz”. Quantas vezes escutamos, pensamos ou até comentamos com quem está ao nosso lado sobre uma atitude de algum profissional que está nos atendendo em um determinado momento. A notoriedade da atuação forçada e esmagada por alguma necessidade material gera, com certeza, um resultado abaixo da expectativa de quem está sendo atendido e do próprio atendente.

O ser humano precisa aprender a escutar o seu coração. As conversas com meu guru e grande irmão me fizerem relembrar os sentimentos que eu vivenciei na adolescência, o período que considero ser o mais importante em nossa evolução. As ações do jovem naquele momento são baseadas nas sensações e aptidões que afloram diretamente das suas necessidades mais sinceras, ou seja, vindas diretamente do seu coração, são puras! É naquele momento que ele descobre suas reais intenções de crescimento e amadurecimento. Em seguida, as razões vomitadas por terceiros sepultam esses valores. A mente sobrepõe-se ao coração e é aí que começa a lambança.

As necessidades em alcançar valores de consumo, descarregados torrencialmente pelos artifícios da comunicação visual durante a maioria dos programas exibidos pelas estações, nos enganam e nos fazem querer ser “melhores” que os outros, simplesmente pela aparência.

Ainda bem que as novas gerações estão chegando com mais ímpeto, negando esses valores, que começaram no pós-guerra da metade do século passado, e descobrindo que nossas reais necessidades estão baseadas simplesmente na vontade de nosso coração.

Quando fazemos algo com amor e para nós mesmos, fazemos bem! Minha sincera sugestão nesta linda manhã domenical paulistana é que você, na primeira oportunidade que tiver, pare e analise. Sua vida atual está baseada nas reais vontades que você tem? Você é verdadeiramente feliz? Deslique o rádio, seu iPod ou a sua TV e escute apenas o seu coração. Pergunte pra ele: eu estou fazendo o que realmente é o meu mais puro e real desejo? Estou fazendo para mim ou para o outro? Estou sendo eu? Ou estou fazendo algo porque alguém me disse que assim é melhor? Dedique este momento para ti. Você merece! Tu és o ser mais lindo que você conhece! Ame-se! Os resultados serão inacreditáveis!

Esta é a verdadeira vocação do verdadeiro hoteleiro, do anfitrião, que abre as portas de sua casa, oferece o melhor possível e é retribuído pela volta do seu amado hóspede! Seja feliz!  Boa semana! Ahôu!

Anúncios
  • Posted in: 1

3 comentários

  1. Odair Gonçalves

    Peter,

    Parabéns pelas palavras, eu também acredito que se ouvirmos mais nosso coração poderemos alcançar a felicidade plena.
    Em minhas reuniões com meus colaboradores sempre falo da importância de gostarmos do que fazemos e digo que o dia que ao me levantar o fato de ter que ir trabalhar for motivo de insatisfação, neste dia vou fazer uma analise se realmente o que eu faço me satisfaz e se a resposta for negativa eu mesmo “empurrarei minha vaquinha”.
    Grande abraço.

    Odair Gonçalves
    Gerente Geral
    Bourbon Joinville
    47 2105-9000 – 47 8657-8364

  2. Prezado Peter,

    quero parabenizá-lo pelo trabalho que faz e pelo tanto que vem crescendo.

    Você ouviu seu coração.

    Ouvi o meu em 2007 e criei o http://amigoshoteleiros.wordpress.com Porém, sentia que precisava fazer mais e não desisti enquanto não consegui criar uma rede social somente para hotelaria.

    Semana passada realizei meu sonho e lancei a primeira rede social totalmente voltada para hoteleiros e amigos de hoteleiros.

    Gostaria de convidálo a juntar-se a nós.

    Abraços hoteleiros.

  3. Elisabete Ramiro

    Nesta manhã, como em muitas outras, abri o meu e-mail em busca de informações na área que mais amo, mas que ainda não tive oportunidade de atuar: hotelaria.
    Contudo deparei-me com o blog do Peter e algo especial me chamou a atenção com o tema “A VOLTA DO SEU AMADO HÓSPEDE”…realmente fazer o que a alma pede é a melhor forma de se alcançar o tão desejado sucesso…esta é a verdadeira chave…(infalível em qualquer porta),sem fórmulas…apenas fazer o que se gosta…
    Agradeço pela injeção de ânimo para nunca desistir do que gosto e com certeza, irei visitar este blog que a mim se fez tão importante neste dia.
    Um abraço!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: