O Brasil é o país do futuro!? Conecte-se!

Desde pequeno escuto dizer que o Brasil é o país do futuro. Tenho 49 anos, então, já faz um bom tempo! E a impressão que temos é que, desde a criação do Plano Real o país entrou no trilho econômico condizente com essa premissa. Mas será que o futuro ao qual se refere o jargão é econômico?

Uns diziam também que a nossa Pátria Mãe será o celeiro do mundo. Quer dizer que somente o Brasil irá ser um produtor de alimentos? O que será que vai acontecer com o resto do mundo? Para sermos o maior país do planeta a produzir alimentos, o que será das outras nações? O que irá acontecer com o mundo?

São perguntas que nos últimos anos têm sido mais constantes. Primeiro foi a passagem do milênio, em 1999 (por que parece que faz tanto tempo?) diziam que o mundo iria acabar, que as profecias de Nostradamus eram claras o suficiente para escurecer nossas mentes com dúvidas. Ao mesmo tempo houve o divertido bug do milênio, as lorotas que computadores entrariam em colapso porque não estariam programados para assumir os três zeros… Enfim, o planeta está aí, continua girando. Mas, a física explica: tudo que gira um dia pode parar.

Obviamente, a maioria dos seres, habitantes deste lindo Planeta Azul, pensa apenas no bem estar físico, material. Ainda são poucos aqueles que vivem em busca de suas próprias ressurreições espirituais. Tem gente que apenas acredita no que vê. E o que se vê, muitas vezes são ilusões passageiras e na sua maioria, apenas de aparências. Veja o exemplo daquela linda modelo dos anos 60, que naquele tempo tinha 22 anos, hoje ela tem 72! Sua beleza exterior continua brilhando mas, não é a mesma. Não atrai mais olhares lascivos ego-alimentadores, não está mais na mídia, o seu tempo exterior já passou.

A maioria dos seres, habitantes da maravilhosa Mãe-Terra, que sempre nos presenteou com o alimento para nosso corpo e alma, ainda pensa pequeno.

E pensar pequeno é achar que a vida é aquilo que somente vemos, ai ai ai… Às vezes não enxergamos nem o próprio nariz! O habitante deste planeta precisa aprender, com urgência, que a vida não é baseada apenas em assuntos materiais, um ser tem muito mais valor que um veículo do ano, muito mais importância que uma bolsa de marca. Uma orquídea é uma jóia viva, respira e é muito valiosa que o maior dos diamantes.

O habitante deste planeta precisa começar a olhar pra fora de suas imaginárias muralhas, necessita estender a mão para aqueles que estão ao seu lado e que ainda não consegue/quer enxergar.

Pensar pequeno é querer arrebatar seu ego de poder, é querer ter mais do que o necessário enquanto que o outro nem tem necessidades básicas. Abaixo o ego!

Os seres desse planeta precisam aprender a pensar com o coração e não apenas com a mente, é necessário inverter a polaridade. O mundo está passando por mudanças sérias e parece que ninguém se importa. Óbvio, enquanto as paredes protegem, as camas acalentam e o cobertor esconde os medos e sentimentos, para que se preocupar?

Parece aquela cena do filme Titanic, do mesmo diretor de Avatar, James Cameron. O navio está afundando e as pessoas estão preocupadas em se divertir, parece que não acreditam no que está acontecendo, não podem ver o que se passa e por isso continuam cada um dentro da sua muralha.

Os habitantes deste planeta continuam demarcando territórios, rotulando seus vizinhos: ele é cristão! Ela é judia! Ele é muçulmano! Negro, branco, amarelo! Saudades da época quando éramos apenas vermelhos! Não se “tocam” que estamos juntos nesse grande barco e caso ele afunde, não importa qual seja a religião, crença ou cor: ou subiremos no barco salva-vidas e remaremos unidos ou afundaremos igualmente juntos.

É preciso reascender a chama que vive dentro de nós. Existem assuntos mais importantes do que aqueles que você acredita ou sempre acreditou serem primordiais. Estenda para fora o teu sentimento e ligue o botão. Posso dizer que a conexão é fascinante! Aho!

Anúncios
  • Posted in: Sem categoria

5 comentários

  1. Ruben

    Peter, vi uma página do Minutos de Sabedoria, de C. Torres Pastorino, aquele famoso, sabe? e na pag. 125 diz:

    A beleza transitória da matéria passa depressa.
    Procure sondar a beleza interna das pessoas com quem convive.
    Há flores belíssimas e perfumadas, que só duram poucas horas.
    No entanto, apesar de feias, as pedras duram milênios, realizando suas tarefas.
    Não seja, pois, leviano.
    Não prefira o efêmero ao eterno, a beleza à sabedoria.
    Firme-se no que dura para sempre, que é o Espírito imortal, nosso verdadeiro EU, e não no que cedo desaparece.

    Abraços!

    • blogdopeter

      É isso aí Ruben, belo ensinamento! Um abraço!

  2. ccm

    Muito bom mesmo esse post!

  3. Lindíssimo post … importante semear ensinamentos e alertas tão distantes de nossa selva de pedra e tão fáceis de ser aplicados se há a intenção.

    Bjos

    Miriam

    • blogdopeter

      Gratidão Miriam. Semear sempre! Aho!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: