Apenas ame, e evolua!

Gratidão! Ontem na Roda de Cura [celebrada na Aldeia Rosa Dourada, todas as quinta-feiras] aprendi que por maior que pareçam ser as nossas dificuldades, sejam elas físicas, emocionais e materiais, a vida precisa ser celebrada!

A condução exemplar da Roda pelo Mestre Irineu, “o Deliberalli”, que trabalhou com o Fluído Cósmico do Mestre Princípio, reabrindo nossos caminhos para a ascensão, e já quase no final do Ritual, em um dos atos que mais aprecio, o agradecimento à Mãe Terra, quando todos os presentes canalizam a energia recebida do Universo entre si, e depois doam-na fazendo a reverência, recebi de presente uma mensagem.

A voz do meu Mestre disse no meu coração: “pare com as lamentações! Você diz que a vida profissional é difícil, que o reconhecimento do teu trabalho não é da maneira que tu desejas. Tome o exemplo do Grande Espírito, que há milênios ama incondicionalmente suas centelhas, esperando pacientemente o despertar delas.” Uau, foi lindo, maravilhoso, Gratidão Mestre! E a todos os Mestres, a todas as Entidades que trabalham em silêncio pelo despertar de nossos irmãos, para que possam viver em paz e harmonia neste Planeta.

Os seres encarnados e muitos dos desencarnados que continuam no imbróglio da involução, mas que com absoluta certeza, um dia irão entender – eu também estou nesse caminho – o verdadeiro sentido da vida. A de que todos somos seres divinos, verdadeiros Deuses da criação, do amor e da fraternidade Universal.

E se somos Deuses, sabendo que Deus ama sem cobrar nada, por que não seguimos essa regra, pra começo de evolução? É tão simples? Ao invés do julgamento do próximo, o amor! Ao invés da inveja, o sentimento do amor. E assim por diante. É um exercício tão simples! Pratique, ame, viva! Queridos Irmãos da Aldeia, gratidão! Aho!

Advertisements

5 comentários

  1. Pois é grande Peter, encontrar a nossa própria essência não é tão difícil, até porque ela esta esfregada em nossas caras todos os dias, todos os momentos de nossas vidas… O grande desafio é entendermos e reconhecermos a essência de tudo e de nós mesmos o verdadeiro “Eu Sou” que esta dentro de nós… Jesus nos ensinou que Deus está dentro de nós ensinou que amar ao próximo como a si mesmo é o grande mandamento, a Bíblia ensina entre outras coisas que fomos criados a imagem e semelhança de Deus e é obvio que não fala das aparências externas, mas de nossas almas de nossa essência…

    Seu texto me remete aos ensinamentos a tudo aquilo que aprendemos de nossos antepassados direta e indiretamente, parte destes ensinamentos vieram dos usos e costumes outra parte veio das crenças e da própria fé que é individual e intransferível , ou seja a minha fé é diferente da sua e do resto do planeta diferente na forma de acreditar, reverenciar, expor e até mesmo na forma de demonstrar…

    Reverenciar a “mãe Terra” entendo que seja o mesmo que reverenciarmos o criador, que além da Terra que é nossa casa atual, a “rua desta casa”, o Universo conhecido e claro e não menos importante o desconhecido…

    Lá fora existe algo que nossa compreensão humana não é capaz de reconhecer que sá entender e aceitar por vezes… Assim é nossa essência, desconhecida pra nós mesmos…

    Mas se ela esta aqui dentro de nós, porque relutamos tanto em aceitar?

    Porque somos humanos, e nossa natureza é de olharmos só pros nossos problemas, a minha dor sempre será maior que a dor do vizinho.

    A mensagem que você recebeu é linda e profunda… Mais que uma lição é um aviso pra nós pobres mortais a entendermos que existe algo muito maior que nossas dores.

    Citando a Bíblia novamente, “Deus se fez homem e veio ao mundo pra salvar a humanidade”, mesmo reconhecendo que Jesus era um Deus, Filho do criador, e mesmo reconhecendo seu sacrifício, quantas vezes não nos pegamos cobrando respostas ou ações de Deus sobre nossos problemas pessoais….

    Pois é amigo, ver, ouvir, analisar, pensar, ponderar e por fim perguntar pra quem sabe é o mínimo que temos a obrigação de fazer durante nossa passagem nesta escola chamada “vida terrena” …

    Aqui entre nós, não pensemos que os ricos e soberbos não tem problemas, pois tem e são muitos… Não é difícil ver uma pessoa feliz, sorridente, alegre varrendo uma rua, empurrando uma carroça ou mesmo morando em uma favela, você não se pergunta como alguém pode ser feliz com tão pouco? Eu me pergunto!

    A “minha” resposta a isso é que nós nunca estaremos satisfeitos com o que temos, seja quanto for que ganhemos, sempre iremos querer mais isso falando do lado financeiro.

    Do lado pessoal, a única coisa que o dinheiro não compra é a saúde… Pois se fosse diferente pessoas ricas só morreriam de velhice e sabemos que não é assim…

    Será que o universo nos ensina através da única situação que não dominamos, a saúde e a mente? Sim a mente… Afinal uma pessoa doente mentalmente e não imaginemos os loucos, mas os psicopatas os atormentados até mesmo por uma paixão mal resolvida… Esses podem ser milionários que de nada valerá essa riqueza…

    Bom escrevi demais.. desculpe… me empolguei…

    Um abraço velho amigo!!!

    Saudades!

    • blogdopeter

      Grande David, agradeço pela leitura e pelo teu “post”, o qual tenho orgulho em ter aqui na forma de comentário.
      Escreveu demais mesmo! Demais de bacana, demais de profundo. Gratidão!

      Não vejo nada de ruim em ser milionário, desde que o “apego” ao material não seja nocivo, aliás qualquer apego é noscivo.
      Por isso, tenho aprendido que não devemos ter apego, apenas amar! Apegar, jamais!

      Amar é deixar o outro ser estar feliz do jeito que ele julga ser feliz. É isso que o Mestre Jesus veio nos ensinar…
      Se estamos centrados e dentro de nosso coração reinar a paz, tudo “lá fora” estará em paz!
      Há paz no coração, há paz no mundo!

      Tenho um cura para as tuas saudades: é só a gente se ver!

      Grande abraço!

      Peter

  2. Solange Ciavatta

    Fiquei muito feliz em ler esse lindo texto, post, enfim, as palavras que saíram de seu coração! Posso ter demorado para ler, mas posso dizer que fui mais rápida em sentir o que descreve… sei que estou com vantagem sobre os demais eheheh
    Sou grata por ter a oportunidade de estar ao seu lado fazer nossas descobertas, aprendizados, lembranças, porque aquela boa e velha frase do Richard Bach, que eu repito muito e você sabe, vale sempre ser citada:
    “Ensinar é lembrar que ele sabe como você!” Então, nossos aprendizados nada mais são que lembranças doces e as vezes nem tanto.
    bjo

  3. Robert Uhrovcik

    Alguns acreditam que a vida e uma trilha aonde adquirimos conhecimento, no entanto de nada vale se não compartilhamos o que recebemos, um sorriso, uma palavra de incentivo, um conselho, dar alguns passos juntos…..
    Cada um tem o seu caminho a trilhar, é preciso saber colher, mas também plantar. Parabéns Peter pela sua jornada..

    • Gratidão Robert, pela leitura e comentário! Tenha certeza que a tua maestria também faz parte da minha/nossa evolução! Afinal, somos Todos Um! Grande abraço, querido irmão!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: